Google atinge 1 trilhão de dólares em valor, mesmo em meio a novos testes

A gigante se tornou a quarta empresa – após Apple, Amazon e Microsoft – a atingir a marca.

Quando foi fundada em 1998, baseou seu nome no termo matemático “googol”, referente ao numeral 1 seguido de 100 zeros. Em 2015, ao ser reorganizada pela entidade Alphabet, readquiriu ações com valor de quase U$5.100.000.000.00.

Na última quinta-Feira (16), a Google atingiu mais um número de encher os olhos: 1 trilhão de dólares em valor. Isso tornou-a a quarta empresa a superar essa marca antes inimaginável.

A Google atingiu seu mais recente marco numérico em meio a alguns de seus maiores testes. A gigante do Vale do Silício deu adeus a seus fundadores, Larry Page e Sergey Brin, que afirmaram em dezembro que abdicariam de seus cargos executivos.

Procurando controlar seu aumento em escala e tamanho, a empresa contratou gerentes profissionais, além de prestar muita atenção na redução de custos e no monitoramento de alguns de seus projetos, como carros autônomos e balões de ar quente com conexão à internet.

Entretanto, a cultura corporativa da Google parece estar desmoronando. Houve acusações de repressão a funcionários que falaram sobre questões como o tratamento da empresa quanto ao assédio sexual ou investimentos em tecnologia que poderia ser usada no aprimoramento de armas.

Existem ainda mais desafios. A empresa está sendo investigada por vazar informações privadas e esfriar o terreno da tecnologia com sua enorme dominância, sendo essas investigações feitas pelo Congresso, por advogados do Estado e pelo Departamento de Justiça.

Fonte: The New York Times
Traduzido e adaptado por Lucca Apollonio Caixeta
19/01/2019
Matéria completa: https://www.nytimes.com/2020/01/16/technology/google-trillion-dollar-market-cap.html